Ética e Compliance

O Programa de Compliance e Antissuborno da GranEnergia é baseado nos valores-chave da GranEnergia em relação à boa governança, segurança, integridade, qualidade, sustentabilidade e respeito. A GranEnergia se vê como um parceiro de negócios verdadeiro e transparente e busca se envolver com parceiros de negócios com um conjunto de valores e cultura de negócios semelhantes.

A GranEnergia espera que seus funcionários, parceiros de negócios e outras partes relacionadas adotem e cumpram os princípios éticos, compromissos e diretrizes de integridade que estão refletidos no 'Código de Ética e Conduta e Diretriz Anticorrupção' da GranEnergia, que descreve o comportamento desejado em relação a questões relacionadas ao cumprimento da legislação e procedimentos internos, questões éticas, integridade e combate à corrupção e ao suborno.

É obrigação da GranEnergia, de seus funcionários, parceiros de negócios e outras partes relacionadas cumprir as leis antissuborno específicas de cada país em que operam e quaisquer outras regras antissuborno relevantes que possam ser aplicáveis.

O respeito pelas regras não se limita ao cumprimento da Lei, mas também à observância das diretrizes previstas no Código de Ética e Conduta e nas políticas específicas de governança corporativa, entre outras políticas adotadas pela GranEnergia e seus Clientes.

A GranEnergia possui uma unidade organizacional qualificada, segregada das áreas de negócios e auditoria, que atua de forma independente, visando garantir o total escopo de suas atividades, e excluir qualquer conflito de interesses. A GranEnergia garante a independência e autoridade da Função Compliance Antissuborno, disponibilizando os recursos necessários à realização de suas atividades.

Diretriz Anticorrupção

A GranEnergia tem o compromisso de conduzir todos os seus negócios com ética, integridade, transparência e em conformidade com as leis aplicáveis. O desafio permanente da GranEnergia é crescer de forma consistente, transparente e sustentável, o que implica nunca abrir mão da ética e da integridade. Portanto, de acordo com seu compromisso público, garante o cumprimento das leis anticorrupção e antissuborno nacionais e estrangeiras, incluindo a Lei Anticorrupção Brasileira 12.846 e a Lei Anticorrupção dos Estados Unidos, Lei de Práticas de Corrupção no Exterior (“FCPA ”).

Canal de Denúncia

A GranEnergia pauta sua atuação por elevados padrões éticos e morais e busca disseminar esses padrões em toda a cadeia produtiva. Em linha com o Código de Ética e Conduta e os princípios da boa governança corporativa, a GranEnergia mantém um canal exclusivo para reclamações e sugestões relacionadas ao tema.

Qualquer pessoa que identificar qualquer suspeita de violação do Código de Ética e Conduta, da Diretriz Anticorrupção ou de quaisquer leis ou regulamentos, por qualquer pessoa, incluindo funcionários terceirizados, deve relatar o assunto imediatamente.

A GranEnergia tem uma política de tolerância zero quanto à retaliação contra funcionários por relatar suspeitas de violações de nossas políticas ou Código e o anonimato é 100% garantido. A GranEnergia conta com sua colaboração para manter um ambiente de trabalho ético, íntegro, transparente, saudável e livre de preconceitos ou injustiças. Para relatar qualquer suspeita de violação de conformidade, incluindo violações de leis contra corrupção ou outros crimes legais, use a função de relatório abaixo deste artigo.

Reportar violação
Importante: O canal de denúncias é exclusivamente para reclamações, informações e sugestões relacionadas ao Código de Ética e Conduta e ao Programa de Compliance e Antissuborno da GranEnergia. Mensagens e dúvidas alheias a esses fins, como envio de currículos, contato de fornecedores e outras questões alheias ao Código e ao Programa, não serão tratadas e / ou deverão encaminhadas por meio deste canal.

Comitê de Ética e Conduta

A GranEnergia possui um Comitê de Ética e Conduta que se reúne ordinariamente a cada seis meses e extraordinariamente quando solicitado por um de seus membros. Este Comitê tem autonomia e independência para investigar e julgar casos de violação de nosso Código e para impor as sanções disciplinares cabíveis.

Os membros do Comitê de Ética e Conduta são responsáveis por divulgar, dirimir dúvidas e orientar sobre o cumprimento do Código de Ética e Conduta, da Diretriz Anticorrupção e demais leis ou regulamentos aplicáveis.

Membros do Comitê

Miguel de Almeida GradinDiretor Presidente
Daan BeekhuisDiretor Geral
Ricardo OrofinoDiretor Financeiro
Raffaello PaladinoDiretor de Contratos
Danielle BouhidConselheira Legal

Função Compliance e Antissuborno

A Função Compliance e Antissuborno foi atribuída com a responsabilidade e autoridade de:

  1. supervisionar a concepção e a implementação do Programa de Compliance e Antissuborno pela GranEnergia
  2. prover aconselhamento e orientação para o pessoal sobre o Programa de Compliance e Antissuborno e as questões relativas ao compliance e suborno
  3. assegurar que o Programa de Compliance e Antissuborno seja consistente com a norma ISO 37001:2019
  4. relatar o desempenho do Programa de Compliance e Antissuborno para o Comitê de Ética e Conduta e a Alta Direção

A Função Compliance Antissuborno possui competência apropriada e reporta diretamente à Alta Direção. A Alta Direção garante a sua posição, autoridade e independência para supervisionar o Programa de Compliance e Antissuborno.

Função Compliance Antissuborno

Nathalia FuentesFunção Compliance Antissuborno

Política e Certificação

O Programa de Compliance e Antissuborno da GranEnergia é orientado pela Política de Compliance e Antissuborno, que define os Princípios, Diretrizes e Compromissos relativos às questões de cumprimento da legislação e dos procedimentos internos, das questões éticas, de integridade e de combate à corrupção e ao suborno, orientando os seus processos, atividades e a conduta de todos os Integrantes e Terceiros. O Sistema de Gestão Antissuborno da GranEnergia é certificado pela ISO 37001:2019. O certificado está disponível abaixo.

consulte Mais informação

Direitos humanos e escravidão

Na GranEnergia, respeitamos e tratamos cada indivíduo com igualdade. Todo ser humano tem direito a ser tratado de forma honesta e justa. A GranEnergia não aceita qualquer forma de trabalho escravo ou infantil, bem como a GranEnergia não se envolve em qualquer forma de parceria comercial com entidades que são suspeitas de estar utilizando qualquer forma de trabalho escravo ou infantil. A GranEnergia exige uma declaração de cada subcontratada de que não utiliza qualquer forma de trabalho escravo ou infantil na prestação de seus serviços.

Discriminação ilegal no local de trabalho

A GranEnergia garante que cada funcionário e potencial funcionário seja tratado com justiça e dignidade. Portanto, qualquer prática discriminatória ilegal com base em raça, cor, sexo, orientação sexual, idade, religião, etnia, nacionalidade, origem social, situação financeira, opinião política, deficiência, origem ou qualquer outro fundamento não será tolerada. A Empresa busca proporcionar a todos os integrantes as mesmas oportunidades de crescimento, sem discriminação.

Saúde e segurança

A GranEnergia está empenhada em trabalhar em prol da meta de zero acidentes e lesões e pelo bem-estar geral de todas as pessoas no local de trabalho.

Trabalho forçado e infantil

A GranEnergia rejeita qualquer tipo de Trabalho Forçado, incluindo Trabalho Infantil, e trabalha em estreita colaboração com suas subcontratadas e fornecedores para prevenir e eliminar quaisquer casos de trabalho forçado ou infantil.

Eliminação de assédio e violência

A GranEnergia está comprometida em manter um ambiente de trabalho livre de qualquer tipo de assédio, exploração, abuso ou violência

Condições de trabalho

A GranEnergia cumpre todas as leis relativas às condições de trabalho, inclusive as leis sobre jornada de trabalho e horas extras, e cumprirá todos os acordos negociados com os representantes de nossos associados.